Mantendo a casa segura para seu filho

 

Uma das preocupações mais constantes dos papais e mamães é com a proteção de seus filhos. Se você tem um bebê que está aprendendo a engatinhar ou já está dando os primeiros passos, sabe que é necessário sempre ficar atento ao que eles estão fazendo e onde estão brincando.

Algumas ações são fundamentais para reforçar a segurança dos pequenos, ainda mais em casa que é o ambiente mais comum para a criança querer explorar novas experiências.

 

Abaixo listamos algumas atitudes simples, mas que certamente trarão mais proteção e segurança ao bebê e, claro, mais tranquilidade para papais e mamães:

 

 

1)      Sempre que possível, fique sempre próximo do seu filho. Nunca o deixe sem a supervisão de um adulto.

 

2)      Se na sua casa há escadas a atenção precisa ser redobrada. Instale portões de acesso no topo e na base, para evitar acidentes.

 

3)      Não deixe fios de eletricidade no chão e nem carregadores de celulares conectados na tomada. Procure prender os fios em locais mais altos, se possível organize em canaletas de proteção para fios e cabos.

 

4)      Coloque protetores de tomada em sua casa. Este é um local de fácil alcance para a criança.

 

5)      Protetores de quinas de móveis também são itens essenciais para a segurança do seu filho.

 

6)      Quanto às portas, utilize protetores de material macio. Isso evita que as portas fechem e prendam os dedinhos da criança.

 

7)      Deixe longe do alcance de crianças: ventiladores, aquecedores, ferramentas e equipamentos cortantes.

 

8)      Nunca deixe objetos pequenos no chão, produtos de limpeza em locais baixos e medicamentos à vista do bebê. Guarde-os em armários ou gavetas com.

 

9)      Na cozinha, guarde em locais de difícil alcance utensílios cortantes e perfurantes. Mantenha alimentos quentes longe das bordas das mesas e pias. Prefira usar as bocas de trás do fogão para cozinhar e vire os cabos das panelas para a parte de dentro do fogão.

 

10)   Sempre deixe a porta do banheiro fechada. Lembre-se de esvaziar banheiras, pias e baldes, para crianças pequenas qualquer quantidade de água pode causar um afogamento. Deixe sempre a tampa do vaso sanitário fechada. Fechar o box do banheiro também é uma ótima forma de prevenção.

 

11)   Se sua casa tem piscina, invista em grades ao redor da piscina ou instale telas de proteção.

 

12)  Em apartamentos, sobrados e varandas é essencial ficar atento às janelas. O ideal é colocar telas de proteção e manter móveis que podem servir como “degraus” longe das mesmas, isso evita que a criança se aproxime das janelas e, consequentemente, uma possível queda.

Por fim, não deixe a criança brincar com sacolas plásticas ou cordões.